09 de julho

Nascida em Reggio Emilia, Itália, em 1439, Beata Joana Scopelli começou sua vida religiosa em casa vivendo como mantelada carmelita (membro de uma confraternização leiga carmelita, usando manto branco ou mantella). Em 1480, após a morte de seus pais, ela formou uma comunidade com várias outras mulheres de mentalidade semelhante.

Alguns anos mais tarde, em 1485, ela adquiriu a casa e a igreja pertencente ao Humilado em Reggio Emilia que ela converteu em um mosteiro. As freiras ficaram conhecidas localmente como “As Freiras Brancas”. A nova comunidade era afiliada à Congregação Reformada de Mântua. A beata Joana ocupou a posição de priora na comunidade que cresceu para o número de vinte freiras. Muitos eventos sobrenaturais foram atribuídos a ela e ela foi presenteada com uma grande devoção a Nossa Senhora, enquanto vivia uma vida intensamente penitencial. Morreu em 9 de julho de 1491 e seu culto litúrgico foi aprovado pelo papa Clemente XIV em 1771.

Fonte: ocarm.org

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui